Porque a viagem já começou

Um mês e meio já passou desde o início da preparação deste nosso périplo pelo mundo. Em primeiro lugar, era o desafio de selecionar os países a visitar – parecia inacreditável, parecia que tínhamos o mundo na nossa mão e que podíamos saltar de um lado para outro assim que nos apetecesse. Ao olhar para o globo, o primeiro impulso foi imaginar rotas de viagens pelos 5 continentes, mas a verdade é que isso se demonstrou impossível: naquele momento, devíamos pensar que oito meses dava para tudo… Depois, e agora assumindo uma postura mais realista, acabámos por selecionar os 24 países que vamos visitar durante nossa viagem. E cá estão eles:

1ª temporada: Rep. Checa, Alemanha, Dinamarca, Noruega, Suécia, Finlândia, Estónia, Rússia, Ucrânia, Moldávia, Roménia, Bulgária e Turquia.

2ª temporada: Índia, Nepal, China, Laos, Cambodja, Tailândia, Malásia, Singapura, Indonésia, Timor e Austrália.

Determinados os países a visitar, era agora altura de assegurar e ultrapassar todas as burocracias: passaporte, vistos, vacinas, seguros de viagem, entre muitas outras dores de cabeça… Para o passaporte, uma ida a Viseu chegou; já em relação aos vistos, duas visitas a Lisboa foram suficientes (o visto da Rússia foi “tramado de arranjar”, vejam só que até uma declaração em russo da reserva do hotel precisávamos); no que diz respeito às vacinas, fomos a uma “consulta do viajante” em Coimbra – ui! Nós e os nossos pais saímos de lá assustadíssimos -5 vacinas, muitas doenças perigosas e muitos cuidados a ter.

Em segundo plano, era necessário fazer umas “comprinhas”… Desde impermeáveis, a roupas quentes que não ocupassem muito espaço, à mochila, ou mesmo às simples meias para caminhadas… Muita coisa a levar e pouco espaço disponível.

Algo que também tivemos em conta na nossa preparação de viagem foi a aprendizagem de regras básicas de segurança – lemos dicas, comprámos materiais e falámos com pessoas experientes – temos muito a aprender neste mundo e as únicas duas coisas que não queremos trazer de lá são doenças e experiências de assaltos. Queríamos referir que tanto nesta última área como com as compras, a leitura do livro <<O mundo é fácil>>, de Gonçalo Cadilhe, se demonstrou absolutamente essencial.

E é isto: está tudo pronto para a partida, as “malas aviadas”, as despedidas feitas, os papás nervosos, o coração ansioso…

Até à vista, companheiros!

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

11 respostas a Porque a viagem já começou

  1. Carolina Nikaitow diz:

    Vejam lá se se portam bem e tomem cuidado que o mundo é perigoso! Tomem conta um do outro…
    Beijinho❤

  2. Inês Vasco diz:

    Ainda nem partiram e as saudades já apertam :c boa sorte Amigos❤

  3. Olá Gonçalo e Tiago,
    Gostaria de vos deixar uma sugestão: postarem um mapa da vossa rota, como se fossem vocês uma “geocoin” humana da qual nós (os invejosos) pudéssemos seguir o périplo desde a partida até ao regresso ao local de partida.
    Boa sorte!
    Ricardo Oliveira

    • fllgapyear diz:

      Olá Prof.,
      Ficamos contentes por saber que o professor nos “anda a seguir” de tão perto.
      Esse mapa, de que fala, já está disponível logo na apresentação através do flickr. De qualquer forma, admito que esse mapa não está muito visível, vamos tentar tratar disso.

      Obrigado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s